Pular para o conteúdo principal

SUBSTITUIR REFEIÇÃO POR SHAKE É UMA BOA IDÉIA ?


Bebidas podem conter alto índice de proteínas e carboidratos/Foto: SirChopin/Fotolia.
Bebidas podem conter alto índice de 
proteínas e carboidratos
-Foto: SirChopin/Fotolia.

Substituir refeição por shake é uma boa ideia?

Nutricionistas falam sobre as características da dieta

Os famosos shakes emagrecedores surgiram há alguns anos no mercado. Sempre acompanhados pelo discurso da dieta milagrosa, logo virou moda entre pessoas que querem perder peso. Inúmeras marcas já lançaram sua versão do produto, mas eles realmente funcionam?


As bebidas são desenvolvidas para substituir uma refeição, mas com uma quantidade menor de calorias que uma refeição “normal” teria. Desta forma, o déficit criado gera o emagrecimento. Por exemplo: uma mulher com 1,65m de altura deve ingerir cerca de duas mil calorias diariamente. Um copo de shake tem em média de 200 a 400 calorias. Logo, ao substituir duas das principais refeições, as calorias atingidas ficam longe do recomendado.
Porém, as dietas de baixa caloria podem ser perigosas quando feitas por conta própria, sem o apoio de profissionais de saúde. É o que afirma a nutricionista Telma Ranalli: “Os shakes costumam apresentar alto teor de proteínas para acelerar a perda de peso, este excesso compromete o metabolismo e sobrecarrega algumas funções importantes, como a renal e a hepática”.
Já o nutricionista Danilo Balu aponta o excesso de carboidratos que as bebidas podem conter: “Existem opções com mais de 70 gramas de carboidrato (CHO), fazendo com que, em apenas uma refeição, o shake ultrapasse a quantidade permitida em uma dieta low-carb, que prega cerca de 50 gramas por dia”.
“O alto índice de carboidrato é o maior responsável pelo aumento da glicemia e pela liberação de insulina na corrente sanguínea. E a insulina é responsável pela absorção desta glicose como gordura. Não funciona, primeiro porque se baseia numa dieta de restrição de gordura com compensação justamente no nutriente de maior carga glicêmica (CHO). Segundo, porque se baseia em uma hipótese que nunca de deixou de ser apenas uma hipótese, o balanço calórico”, declara.
Além do processo fisiológico, a nutricionista Andrea Matarazzo aborda a questão psicológica: “Além de nos alimentarmos para dar ao corpo a energia e nutrientes que ele precisa, também há a satisfação em comer, que influencia diretamente na sensação de saciedade. Não vejo nenhum benefício em trocar uma refeição que, além de conter todas as substâncias que existem no suplemento, ainda temos o prazer em comer”.
Para conferência de dados, montamos a tabela nutricional comparativa com algumas das principais marcas do mercado. Mesmo usado para a mesma finalidade, podemos notar grandes diferenças nos valores de cada produto.
Vale lembrar que para quem deseja perder peso, o recomendado é procurar um profissional especializado: “O nutricionista irá elaborar um plano alimentar adequado às necessidades de cada indivíduo, promovendo assim a aquisição de hábitos alimentares saudáveis e como consequência, o emagrecimento”, finaliza Telma Ranalli. 

Fone:http://webrun.uol.com.br/h/noticias/substituir-refeicao-por-shake-e-uma-boa-ideia/15446

Postagens mais visitadas deste blog

OVOS - QUANTOS POSSO COMER POR DIA ?

Ovos — Quantos Posso Comer por Dia?

Os ovos são uma fonte ampla­mente disponível, barata e ver­sátil em ter­mos de pro­teí­nas, cál­cio e vit­a­m­i­nas. Eles tam­bém são fre­qüen­te­mente asso­ci­a­dos a efeitos adver­sos como prob­le­mas de coles­terol e dia­betes. No entanto, a pesquisa atual mostra que o con­sumo mod­er­ado de ovos pode ser seguro e bené­fico para adul­tos saudáveis. A ingestão diária depen­derá de uma série de fac­tores, incluindo a história da saúde, sexo e nível de activi­dade da pessoa.


Nutrição

Famosos por seus altos níveis de pro­teína e cál­cio, os ovos con­têm uma série de vit­a­m­i­nas e min­erais impor­tantes. Um único ovo cozido grande tem ape­nas 78 calo­rias, mas ofer­ece 6,29 g de pro­teína, 25 mg de cál­cio, 0,59 mg de ferro e 112,7 mcg de col­ina. O ovo con­tém 22 mcg de ácido fólico, 260 UI de vit­a­m­ina A, 44 UI de vit­a­m­ina D e 176 mcg de luteína e de zeax­an­tina, bem como peque­nas quan­ti­dades de muitas das vit­a­m­i­nas do com­plexo B.
Coles­…

ALOE VERA : A MARAVILHA PROIBIDA

Aloe Vera: A Maravilha ProibidaAloe Vera é geralmente chamada de a planta milagrosa, a cura natural, dentre outros nomes que sobreviveram por 4.000 anos dentro dos quais essa planta tem beneficiado a humanidade. George Ebers em 1862 foi o primeiro a descobrir o uso da Aloe na antiguidade em um antigo manuscrito egípcio datado de 3500 AC, o qual foi de fato uma coleção sobre ervas medicinais. Outros pesquisadores desde então descobriram que a planta era usada também pelos chineses e indianos antigos. Médicos gregos e romanos como Dioscorides e Plínio usavam Aloe obtendo maravilhosos efeitos e legendárias sugestões que persuadiram Alexandre O Grande a capturar a ilha de Socotra no Oceano Índico com o intuito de obter sua rica plantação de Aloe para curar seus soldados feridos nas guerras. As rainhas egípcias Nefertiti e Cleópatra taxaram grandiosamente a Aloe como sendo o melhor tratamento de beleza. Naqueles tempos beleza e saúde estavam intimamente ligadas, muito mais que estão atualme…

TIPOS DE SAIS USADOS NA CULINÁRIA E SUAS PROPRIEDADES

Tipos de Sais e suas Diferenças
Nós sabemos que o sal é um nutriente obrigatório na dieta de qualquer pessoa, todos precisam de sal para viver, mas é preciso muito cuidado no consumo do sal. O cloreto de sódio é responsável por males perigosos como hipertensão e doenças cardiovasculares. Existem alguns tipos de sal e acredite, muitos podem substituir o sal de mesa refinado, o vilão desta história toda! Saiba das diferenças. Sal refinado ou de mesa: É o mais comum e o mais usado no preparo de alimentos. É dissolvido e recristalizado a temperatura e pressão controladas em instalações industriais. De acordo com as leis brasileiras, o sal de cozinha deve ser acrescido de iodo para se evitar o bócio. Light: o sal light foi criado para diminuir a quantidade de sódio consumido, já que este mineral adere à parede das artérias, contribuindo para elevar a pressão sanguínea. O sal light possui menos da metade de sódio encontrada no sal branco refinado. No entanto, o sabor é um pouco amargo. Flor de …