Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2017

COMIDA COMO REPRESENTAÇÃO DO AFETO

Comida como representação de afeto
*PorJosi Bessa, nutrição Pense nos momentos da sua vida!
Percebe algo em comum nesses momentos?
Conseguiu encontrar algo?
Não?
Vou adivinhar. Em todos esses momentos a comida esteve presente. Não tenho bola de cristal e nem consultei os astros para saber dessa informação, mas a comida está presente em todos os momentos das nossas vidas e ganham uma representação muito forte ao longo da nossa história, pois faz parte da cultura de todos os povos do mundo. Quem nunca falou uma frase como essa: “Que vontade de comer um bolo feito pela avó” Acabamos associando comida com afeto. Afinal, aprendemos a amar no seio da mãe e é através do leite materno que acontece a construção desse sentimento. Festa de aniversário sempre tem comida (já imaginou uma sem?), casamento também tem e até alguns velórios. Agora uma história para vocês perceberem como essa relação de comida e afeto é fortíssima. Em 2013 me mudei para o interior de São Paulo para estudar nutrição. Nos dois prim…

O CORPO COMO MASSA DE MODELAR NOSSOS DESEJOS

O corpo como massa de modelar dos nossos desejos*Por Josi Bessa, nutrição Cada ser humano nasce com um corpo único e só seu. Isso todo mundo sabe, porém na era da cultura fitness parece que esse conceito se perdeu e todos estão achando que podem moldar o corpo como quiser, afinal é preciso apenas “força, foco e fé”. É uma dinâmica, onde o blogueiro fitness se exalta por te acordado às 5 horas para treinar e a pessoa do outro lado da tela sente-se incompetente por não ter feito o mesmo. A autoestima diminuiu e o sentimento de inferioridade surge diante de uma foto que nem sempre representa a realidade. O maior problema desse discurso do “corpo como massa de modelar” é que ele vem disfarçado de “vamos ter uma vida saudável”, logo, se eu não consigo fazer igual ao blogueiro fitness, não sou saudável. Josi, mas eu sou responsável pelas minhas escolhas. Eu escolho ir para academia e eu escolho o que comer.Exato! Porém, a forma que seu corpo responde aos fatores externos depende da genética, li…

AGROTÓXICOS IMPACTAM O SANGUE E AFETAM DOADORES,DIZ DISSERTAÇÃO DEFENDIDA NA USP - ESTUDANDES DE AGRONOMIA PEDEM 'MENOS AMOR E MAIS AGROTÓXICO'?

Carol Garcia / SECOM / Fotos GOVBA Flickr CCAgrotóxicos “são capazes de induzir alterações nas membranas celulares e no metabolismo dos componentes dos sangues dos doadores”Agrotóxicos impactam o sangue e afetam doadores, diz dissertação defendida na USPAlceu Castilho | De Olho nos Ruralistas | São Paulo - 11/08/2017 - 09h19
Estudo na Faculdade de Medicina da USP de Ribeirão Preto diz que glifosato pode promover alterações hepáticas e levar a danos ao fígado e anemia Os agrotóxicos afetam também o sangue. Dos doadores aos receptores de transfusões. É o que diz uma dissertação de mestrado defendida este ano na Faculdade de Medicina da USP de Ribeirão Preto, e publicada nesta quinta-feira (10/08).  Os dados obtidos pela pesquisadora Fortuyée Rosa Meyohas Neves indicam menor sobrevida de plaquetas e hemácias do sangue nas populações expostas a agrotóxicos. “E que há metabólitos de agrotóxicos no plasma de indivíduos, potenciais doadores de sangue, expostos aos agrotóxicos”, escreve ela já n…